Dia 1! Let’s go

Domingo chuvoso mas a mente comanda tudo e uma mente saudavel e forte torna-nos pessoas mais autenticas, bonitas e lutadoras. Por isso tento trabalhar nisso todos os dias através da alimentacão, Exercicio e meditação 🙂

Hoje o meu dia começou com o pequeno almoço e o almoço na cama (também merecemos descanso e mimos assim não é?)

Pequeno-Almoço: 1 meloa

Almoço: Quinoa vermelha com espinafres, pimento verde e courguete ou abobrinha

Depois de tanta ronha e de barriga cheia, vesti-me preparada para o frio e sai de casa. Estava a chover a potes, parei num café para ver se acalmava e fui na mesma. Foram 10Km, sabe tao bem.

Renovada interiormente, limpeza geral na casa para repor energias positivas.

Lanche: Frutas

Jantar: Sopinha de Legumes

Bom dia para vocês e sejam felizes
Sara Brites

IMG_5671

IMG_5680

Como se manter motivada (Desporto e “dieta”)

Hey there!!

Hoje a conversa é motivação, até porque estou motivada a escrever aqui no blog. Um dos aspectos que tenho de mudar é ter mais força mental para acreditar em mim, fazer as coisas que quero e gosto de fazer e não ter vergonha de partilhar isso convosco. Espero que este post sirva de motivação para todas, e sobretudo para mim. Vou tentar postar o meu dia-a-dia em termos de exercícios e vou tentar postar um diário alimentar.

Ultimamente tenho andando um pouco baldas em termos alimentares, não em termos de “maus alimentos”, mas ando a abusar nas quantidades e já me começa a incomodar.  Portanto, nada melhor do que me comprometer para ver se consigo alcançar alguns dos meus objectivos que são: ter um diário alimentar durante 3 meses, treinar 5-6 vezes por semana, gostar mais de mim, sorrir mais, cozinhar mais, partilhar mais coisas sobre o meu veganismo aqui no blog. 

Partilho hoje algumas das chaves da minha motivação:

1. Musica NO MÁXIMO – Principalmente para correr, uma playlist animada, ritmos rápidos e fortes e volume no máximo. A mim motiva-me imenso porque procuro sempre correr ao ritmo da musica. Outra dica para quem esta a começar a correr é aumentar sempre uma musica. Por exemplo, se hoje corri ao som de 5 musicas, amanha tento 6 musicas (isto aplica-se também ao tempo e aos km).

d0a96715d22beeb5fb12f9bd6871bbfe

2. Aulas de grupo – Já fiz um post sobre as minhas aulas favoritas, mas sou apologista de que treinar em grupo é muito mais motivador. Não queremos obviamente desistir primeiro que os vizinhos, portanto, nas aulas de grupo acaba por haver uma certa competição saudável e motivadora, levando – nos normalmente ao nosso limite.

3fb2a911c252a10e1505a5ec8b586861

3. Escrever tudo, ser mais organizada – Eu já li imenso esta dica e estou, a partir de hoje, a colocá-la em pratica para ver se funciona comigo. Não sou uma pessoa nada organizada, portanto, isto até pode ser bom em termos de desenvolvimento pessoal.

4. Comer bem – Acredito cada vez mais que comer pouco não é a solução, mas sim comer bem. Sou mulher, e há alguns anos passei por um período e restrição calorica (hoje em dia não sei como é que comia assim tao pouco), no entanto, estava sempre cansada, não tinha energia para fazer exercício, cansava-me muito rápido, a minha saúde não estava boa, era uma pessoa depressiva etc. E acreditem, o meu estilo de vida baseado numa dieta à base de plantas e frutas, veio completamente mudar a minha vida. Curei-me da quase depressão, tenho energia para dar e vender, sou mais consciente das coisas e sou feliz por saber que estou a fazer bem ao ambiente e aos animais 🙂 Tentar receitas novas e encontrar a medicina nos alimentos é uma grande motivação.

Salad_InAJar_FB

5. Redes sociais – Claro!!!!! Tenho imensos instagram’s que me tiram logo a preguiça, tambem sigo blogs e youtubers. O ser humano age muito por imitaçao. Inspiramo-nos em pessoas, e tentamos “ser como elas” “imitando” os seus rituais. Obvio, quando seguimos raparigas esbeltas, lindas, e felizes corremos logo para o ginasio ou para a rua libertar as endorfinas e chegamos tao felizes quanto elas 🙂

61fa9ac13e6b923f95291bb6686c8ee0@freeleethebananagirl

3297f301d0302a2452314bbbfcca00a2@teresalopez

f5d81feb55a568c42fd5cc8a11dbb708@gabrielapugliesi

10903504_611626395610154_790474787_n@missfit.insta

6. Sorrir e nunca desistir – A vida é assim mesmo, dificil. Mas temos de aprender a andar como o fizemos em criança! Quantas vezes caímos para aprender a andar? Muitas, portanto vamos cair muitas vezes de maneira diferente enquanto adultos. A solução é levantar e começar de novo. Mais cedo ou mais tarde conseguiremos construir/atingir o que desejamos e procuramos.

762e7e8cef8bb4952f23f43c8c7e163d

Um grande beijinho, 

Sorriam sempre, Sara



Imagens Retidas Pinterest/Instagram

Receita da semana – Falso chocolate quente (Pó de alcachofra) com ameixas, canela e baunilha

O inverno já começou, pelo menos aqui em Bruxelas. E, com as baixíssimas temperaturas, vem a vontade de beber e comer alimentos mais quentes. Normalmente eu não cozinho os alimentos, para estes não perderem enzimas e outras propriedades que só se mantêm quando o alimento esta cru. No entanto, no inverno gosto de aquecer algumas refeições.

Ultimamente tenho bebido o meu «chocolate quente » no quentinho dos lençóis. É tão delicioso, que tenho de partilhar convosco.

Imagem retirada do pinterest

Luxurious Dairy-Free Hot Cocoa! All natural. The perfect hot beverage to add to your V-Day menu.

Ingredientes :

–          água (ou  leite de amêndoas ou soja)

–      1 colher de pó de alcachofra* (não é preciso por muito porque é intenso e basta um pouco para ficar a saber a chocolate)

–          Canela a gosto

–          Baunilha em pó

–          1 ou 2 ameixas secas

Quem quiser pode juntar um pouco de cacau também 🙂 

Preparação :

Misturar o pó de alcachofra com a canela e a baunilha e deitar a água (ou o leite) previamente quente. No fim adicionar as ameixas (elas vão simplesmente adicionar o gostinho doce à bebida e podem no final ser ingeridas).

pó de alcachofra*  Tem baixo valor calórico e ajuda no processo da digestão. É rico em vitamina A, vitaminas do complexo B, vitamina C, cobre, cálcio, enxofre, iodo, ferro, fósforo, zinco, potássio, sódio e manganês e fibras. Rico em cinarina, componente encontrado nas folhas verdes e sementes da alcachofra que confere sabor característico. Age como factor protetor contra o desenvolvimento de colesterol alto e hipertrigliciridemia. Possui ainda antioxidantes, fibras alimentares e minerais como potássio, magnésio e fosforo.

Inverno 2015

Não precisamos renovar o nosso armário todas as estações. Eu sei que gostaríamos, mas para a maioria dos mortais isto é pura utopia e é algo monetariamente impossível! Mas, há peças essenciais que não podem faltar neste inverno. Cada vez mais, as tendências que vimos nas passerelles passam para o quotidiano, podendo portanto ser encontradas a preços cada vez mais acessíveis. Todas as sugestões são da Zara. Usem e abusem de looks minimalistas, e do cinza, camel, preto e branco.

  1. Malhas quentinhasImage 6 de PULL EXTRA-LARGE BICOLORE de ZaraImage 6 de PULL COL MONTANT de ZaraImage 6 de PULL EN MAILLE CÔTELÉE de ZaraImage 6 de PULL OUVERTURE GOUTTE D'EAU DANS LE DOS ET NŒUD de ZaraImage 7 de PULL COL EN V LISERÉS COULEUR de ZaraImage 7 de PULL CARRÉ COL BATEAU de ZaraImage 6 de PULL À TORSADES COL CHEMINÉE de ZaraImage 6 de PULL À TORSADES OUVERT de Zara
  2. Casaco OversizeImage 3 de MANTEAU EXTRALONG de ZaraImage 8 de MANTEAU MAILLE COL ÉCHARPE STUDIO de ZaraImage 7 de MANTEAU LAINE CEINTURE de Zara
  3. PonchoImage 1 de PONCHO STYLE ETHNIQUE de ZaraImage 2 de PONCHO À FRANGES de Zara

Beijinhos cheios de sonhos e inspirações,

Sara

Vegan Talk

Hello Hello 🙂

Hoje apeteceu me escrever sobre o veganismo. Será que realmente os veganos são todos saudáveis? Será que comem menos? Será que obtêm todos os nutrientes necessários ao bom funcionamento do corpo? Existem, a meu ver, vários mitos concernentes ao veganismo. Há cerca de 2 anos tornei-me vegetariana, e o passo seguinte foi o veganismo, que estou a seguir há pouco mais de meio ano. É acerca da minha experiência que venho hoje falar, vou tentar responder a algumas perguntas que me colocam frequentemente no meu dia a dia.

1. Então e a proteína? Esta é a pergunta que mais afecta as pessoas que me rodeiam. Eu faço exercício físico frequentemente (normalmente 5 vezes por semana, as vezes 4, as vezes 6) e tenho mais músculo do que muitas pessoas que consomem carne para obter a sua proteína. Então mas onde encontro eu a proteína sem ser na cara? Ora bem, a proteína existe também nos vegetais e legumes, nos grãos… Se as pessoas se preocupassem fariam uma pequena pesquisa para ver que existe proteína de origem animal e vegetal. Portanto, não se preocupem, tenho forca e músculo mesmo sendo vegan! O importante é que o vegano consuma as calorias necessárias para as suas actividades diárias. No entanto, isso aplica-se também aos não vegans, que comendo menos do que aquilo que gastam vão ficar com ar debilitado, doente e não vão ter a energia, nem a forca necessária para as actividades do quotidiano.

2. Então mas se não bebes leite nem ovos vais ter osteoporose!! Obviamente que os vegans também podem ter falta de cálcio, mas os omnívoros também. Ja pensaram que o homem é o único que bebe leite enquanto adulto? Quantas pessoas não vegans conhecem com osteoporose? Muitas, não é? Pois, o que as pessoas não sabem é que a mistura de certos alimentos impede a absorção de nutrientes importantes, por exemplo, é o que acontece com o cálcio. Quando uma pessoa omnifera ingere leite, muitas das vezes a absorção do cálcio não vai ocorrer. No caso dos vegans, os alimentos que contêm cálcio podem não ser suficientes (depende das necessidades nutricionais da pessoa, claro!).

3. Então mas o que comes? Não podes comer nada… Como muito mais agora do que dantes, sinto me muito mais energética e feliz, a minha pele está impecável e todos elogiam o meu cabelo. Uma dieta vegan é variada, posso comer tudo, desde massa, arroz, quinoa, frutaaaas, legumes, frutos secos nhamiii, tofu, seitan, soja, etc. Hoje em dia há tanta mas tanta escolha vegan. O meu único conselho (mas este aplica-se também a não vegans) é manter uma alimentação clean e equilibrada. Obviamente também há fast food vegan e muitos produtos vegans industrializados que só fazem mal… E muitas vezes o que acontece é que os vegans consomem muitos destes produtos industrializados como se não houvesse amanhã e depois podem ganhar peso (tal e qual como acontece com os não vegans).

Portanto, a conclusão é não se preocupem em seguir uma dieta ou estilo de vida vegan, porque não vão ter falta de nada (convém fazer análises e caso haja necessidade suplementar 1 mês). Eu já fiz analises e não tenho nenhuma lacuna!! E para verem, o meu ferro até está mais alto do que quando era vegetariana. Comam saudável, variado e clean. Eu tento fazer uma alimentação 70% raw (cru), mas no inverno admito que é um bocadinho mais difícil.

Quem quiser experimentar algo vegan e delicioso, tentem esta receitinha super fácil e deliciosa, retirada do blog http://ohsheglows.com 

Ingredientes:

(As quantidades ajustem ao vosso gosto)

– Batata Doce

– Grão-de-bico

– Quinoa

– Hummus

– Legumes e vegetais da vossa preferência

Modo de preparação:

1. Fazer a quinoa (a quinoa é como o arroz, quando virem que já esta abertinha podem desligar o lume);

2. Colocar a batata doce e o grão de bico no forno até ficarem coradinhos e crocantes;

3. Cortar os vegetais e legumes (os legumes podem ser cozidos ou salteados);

4. Colocar todas as preparações feitas anteriormente numa tigela grande, terminando com o hummus no centro da mesma. (Eu compro o hummus já feito).

Espero que gostem, beijinhos e bom domingo!

Festival style

Eles estao a bater à porta!

http://www.youtube.com/watch?v=OWlKZ6C7cDY

Quem nao gosta? Amigos, boa musica, comida, bebida, street style, boa onda! Das melhores épocas do ano por duas razoes: musica, verao, desporto ao ar livre, praia!

Os festivais de verao sao cada vez mais passadeiras de estilo. Estilo descontraido e relaxado mas no qual pensamos afincamente durante semanas.

Para facilitar deixo aqui alguns dos meus looks favoritos que passaram em festivais (todas as imagens foram retiradas do pinterest)

Looking shabby chic at Coachella...I think it could work for Ultra too. Definitely different shoes though.

http://www.zalora.com.ph/women/style-section/festival-look/?sort=popularity=desc=1

Hippie Street Style #serape boho

shorts and sweaters.

Summer festival look

festival look